Finanças pessoais: como organizar meus recursos

Você sente que está sempre instável financeiramente? Nunca sobra dinheiro para o que havia planejado? Não consegue economizar para investir? Não se pode negar que o dinheiro é parte fundamental de nossas vidas e, consequentemente, a organização de nossas finanças se torna indispensável.

Organizar as finanças pessoais é pré-requisito básico para a concretização de sonhos e objetivos do futuro. Assim como em empresas, é indispensável que seja feita a administração dos recursos pessoais de forma a alcançar a estabilidade financeira e isso exige autoconhecimento e grande responsabilidade e seriedade. Já parou para pensar como fazer isso?

  1. Descubra quanto você gasta por mês. Registre sempre tudo o que gasta no mês e no que gasta.
  2. Tenha uma ferramenta de controle. Em uma planilha, coloque todas suas despesas como alimentação, vestuário, gasolina, internet, lazer, etc. Esse é um passo fundamental para visualizar se está desperdiçando recursos.
  3. Corte gastos desnecessários. Você sente que gasta muito em coisas que não são tão importantes? Liste suas despesas em ordem de prioridade e veja se pode substituir grandes gastos por menores.
  4. Evite dívidas. Sabemos que os juros por pagar contas parceladas são monstruosos, o que pode se tornar uma bola de neve. Nesse sentido, prefira sempre pagar à vista.

Embora o tema finanças pessoais seja muito complexo, basta adquirir boas práticas para alcançar grandes sonhos no futuro. Por isso, o mais importante é que você tenha sempre em mente metas a serem alcançadas e sonhos que deseja realizar futuramente. Ao determinar um objetivo a ser atingido, você irá organizar-se de forma a criar as condições para que ele seja cumprido.

Gestão de tempo: como organizar uma rotina eficiente<< >>Firmando parcerias de sucesso - Um guia adaptado do livro "A Arte de Fazer Parcerias"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.